domingo, 13 de maio de 2012

Lages, uma aldeia a descobrir.


A aldeia de Lages situa-se na margem direita do rio Sátão, a 3 km da sede do concelho, sendo ladeada a Este pelas freguesias de Avelal e Silvã e a Sul pela de Rio de Moinhos.
Desconhece-se a origem do nome da aldeia. No entanto não lhe será certamente alheio o facto de proliferarem na aldeia diversos maciços graníticos, que a população designa por lajes e que são utilizados como eiras para a secagem do milho, do centeio e do feijão.

Numa dessas lajes, a conhecida "Laje Grande", de utilização colectiva, encontram-se diversos espigueiros (cerca de uma dúzia), que a população designa de canastros, para guarda daqueles cereais e legumes.
          Nalguns afloramentos graníticos encontram-se diversas sepulturas antropomórficas, supostamente datadas da época medieval. No designado "Curral", na zona da "Alagoa" é possível observar à superfície cinco exemplares, muito embora se presuma a existência de um número maior, possivelmente soterradas.
          Lages é a maior aldeia da freguesia de Mioma, tanto em superfície como em população. Até ao início da década de sessenta, no século passado, a aldeia encontrava-se isolada e parada no tempo. A sua população vivia exclusivamente de uma agricultura de subsistência e alguma pecuária. A partir dessa época foi rasgada uma estrada que a ligou À EN 229 na vizinha localidade de Meã e posteriormente a Silvã de Cima. Chegou a electricidade e mais tarde a água canalizada. Foi também a partir do final dessa década, que uma boa parte da sua população activa emigrou para diversos países da Europa, nomeadamente para França. Com as economias dos emigrantes começaram a surgir novas construções e rapidamente a aldeia cresceu e se modernizou.
          Apesar do decréscimo da natalidade que se verifica em muitas aldeias portuguesas, levando-as à desertificação, tal não se verifica nas Lages. A população atinge o seu máximo no Verão, nomeadamente no mês de Agosto, com a presença dos emigrantes e seus familiares.
É em Agosto, normalmente no último fim de semana, que Lages celebra a festa da sua padroeira - Santa Eufémia -, durando os festejos 3 dias, atingindo o seu auge no Domingo, dia em que ocorre a procissão da figura da Santa pela aldeia. No primeiro dia da festa é realizado o tradicional jogo de futebol entre os casados e solteiros no "Estádio" do Pícaro, sendo este jogo fonte de grande rivalidade entre ambas as partes, apesar de tudo terminar em bem com o habitual convívio que a Comissão de Festas oferece à população, onde não faltam a sardinha, a broa, o caldo verde e a boa pinga da região. É também tradição a organização de uma prova de atletismo, realizada na manhã de Sábado, que tem estado a cargo de um do mais activos atletas da aldeia Marco Lopes.
Lages era para ser a freguesia daquela zona, visto que é uma "terra" maior e com mais habitantes, mas como Mioma tinha igreja e Lages tinha somente uma capela, decidiu-se que seria Mioma a freguesia.
Lages é também uma das grandes aldeias que vence os Jogos Desportivos do Sátão, com atletas bastante conhecidos na região e com bastantes medalhas de ouro, prata e bronze.
Mioma é uma freguesia portuguesa do concelho de Sátão, com 16,05 km² de área e 1 174 habitantes (2001). Densidade: 73,1 hab/km².
Integram a freguesia de Mioma, para além da aldeia que lhe dá o nome, Meã, Lages (Sátão), Afonsim e Fontainhas. Fazem parte da mesma freguesia outros pequenos agregados populacionais, de que se destacam a Quinta da Trémoa, a Quinta de Monte, a Quinta do Vale de Gonçalo e a Quinta da Souralva.
Até ao século XVI, época em que a freguesia de Mioma se autonomizou da freguesia de Santa Maria do Sátão, e até meados do século XIX, fez também parte desta freguesia a localidade de Avelal.

É com toda esta história e muito mais que o convidamos a vir participar nesta Prova, seja a correr ou a assistir, e visitar esta maravilhosa região, teremos muito prazer em recebe-lo na nossa aldeia, e dar-lhe a conhecer mais coisas da nossa região e da nossa freguesia e do concelho do Sátão.









3 comentários:

  1. adonde fica lages?
    meu gps não sinaliza

    ResponderEliminar
  2. Caro Senhor, é provável que o seu gps não reconhça Lages com g, mas com j, o que é uma confusão muito comum, espero ter ajudado e esperamos por si nesta grande festa. Obrigado.

    ResponderEliminar